Casas à venda na Itália por 1 euro!

Você sem dúvida já ouviu falar sobre casas que são vendidas por um euro na Itália. Viu em um post do Facebook, em um artigo de blog, vídeo no YouTube etc., mas sempre ficou com a dúvida se isso é mesmo real ou então sobre como funciona na prática.


O projeto Casa a 1 € começou em alguns municípios italianos, com o objetivo de combater o abandono pela população e reviver as áreas em dificuldade. Com esta operação, o Case a 1 euro tenta repovoar aldeias que estão ficando desertas, abandonadas pela população jovem e pela morte dos idosos locais.


Porém, a confusão que muitas pessoas fazem é pensar que basta apenas pagar um euro e viver na casa normalmente, mas não é assim que funciona. Essa iniciativa é presente em várias cidades do país, e cada local pode adotar regras diferentes em relação a essa iniciativa. A maioria dos locais exigem que o comprador reestruture o imóvel em até um ano, dando início no máximo depois de um ano após a compra da casa, e que arque com todas as despesas. Alguns comuni exigem uma garantia de até 5 mil euros, que deve ser pago a prefeitura, em até no máximo dois meses após a compra, como uma garantia de que o imóvel será restruturado (tal reforma deve ser concluída em até 3 anos).


Como funciona a regra das casas por 1 euro?


As propriedades são doadas aos Municípios que, mediante procedimento público, vendem pelo valor simbólico de 1 euro. É claro que existem compromissos que quem compra com o projeto 1 Euro deve garantir:

  • Planeje um projeto de reestruturação dentro de 365 dias após a compra;

  • Pagar as taxas do notário pelo registro (toda a parte relacionada a documentos etc.);

  • Dois meses para iniciar os trabalhos quando todas as licenças forem obtidas;

  • Para garantir a segurança da compra pelo comprador, o Município solicita a contratação de uma apólice de fiança de 5 mil euros, com duração de três anos, que será reembolsada no vencimento.

Para detalhes, o ideal é entrar em contato com os escritórios de construção dos municípios em questão e veja atentamente quais são as exigências do município em questão.

Uma outra informação importante é que é possível deduzir parte do imposto de renda os custos gastos para renovar casas e partes comuns de edifícios residenciais. Além disso, profissionais e empresas que possuem Partita Iva, podem usufruir de descontos, bem como existem alguns benefícios para quem compra o imóvel em relação às despesas dos móveis e grandes eletrodomésticos.


O elenco das cidades onde é possível encontrar casas aderentes a esse projeto, de acordo com o site casea1euro são:

  • Lecce nei Marsi (L'Aquila), Abruzzo;

  • Zungoli (Avellino), Campania;