Classificação das melhores cidades para se viver na Itália de acordo com sua idade!

Todos os anos é publicada uma pesquisa feita por um jornal muito famoso e conceituado na Itália, onde ela relata como é a qualidade de vida em várias cidades italianas. Resumidamente, ela aponta os fatores que indicam custo de vida, segurança, educação e vários outros aspectos sobre várias cidades no país.


É um ótimo ponto para nos basearmos e procurarmos informações sobre a vida na Itália, principalmente quando queremos saber mais sobre onde morar no país e como escolher uma cidade.



Il Sole 24 ore, que é esse jornal italiano que citei para você, publicou a pesquisa Qualidade de vida nas províncias italianas, elaborando três rankings geracionais divididos entre crianças, jovens e idosos. Mas como assim?


Os três índices medem a habitabilidade do território e relatam a capacidade das instituições públicas em implantar serviços eficientes, as condições relativas de vida, os problemas para atender aos sujeitos mais frágeis e as expectativas dos mais jovens. Basicamente, essa parte da pesquisa revela quais são as melhores cidades para as crianças, para os jovens e para os idosos, tendo em base o que cada geração necessita e o que cada cidade tem a oferecer.


Importante ressaltar que, se você está pesquisando cidades atraentes para seu perfil migratório, lembre-se de levar outros fatores em consideração, como custo de vida, empregabilidade etc. Por isso, recomendo que utilize esses dados como orientação, mas sempre pesquise mais a fundo sobre a cidade para ver se ela tem os outros fatores que são importantes para sua vida no país.


Até o final do ano o jornal publicará a pesquisa final, essa por enquanto é baseada somente nos fatores relativos à faixa etária da população.



Melhores cidades na Itália para crianças