top of page

Coisas difíceis de entender morando na Itália!

Atualizado: 7 de ago. de 2023

Cada país tem suas particularidades: o Brasil tem, a Itália tem, todo lugar tem, e existem coisas que, por mais que os dias passem, você fica se questionando: gente, por que é que isso funciona desse jeito?


Aí o que que a dona Priscilla começou a pensar: gente, tem um monte de coisa curiosa que acontece no dia a dia, e eu não consigo entender por que é assim, eu acho que isso pode ser interessante de contar pro meu povo, porque pode ser que inicialmente vocês cheguem aqui, vejam essas coisas e fiquem tipo: GENTE, POR QUE É ASSIM?


A primeira delas é o Uso do fax


É exatamente isso que você ouviu. Fax, o uso do FAX. Como, em pleno 2021 quase 2022 os italianos me usam o fax para resolver várias coisas? Eu realmente não aceito isso, podem falar o que for, que é para acompanhar a população mais idosa ou menos tecnológica, mas gente, falar que para você comprovar que pagou uma conta, ser necessário enviar um fax porque a empresa não acha o pagamento, é no mínimo pré-histórico!


Ou então pedem para você enviar uma raccomandata, uma carta pelos correios, para cancelar um plano ou uma linha de celular. Eu fico tipo: gente, para que isso, vamos simplificar, evoluir, deixar tudo mais fácil, não?


A segunda coisa é o Nome no interfone


Isso não é o menor problema para mim, na verdade é apenas uma curiosidade, mas é algo importante para vocês saberem como funciona por aqui! Ao contrário do que somos acostumados no Brasil, quando você chega nos prédios e condomínios, você não vê o nome do interfone como números, porque aí geralmente a gente usa a identificação do apartamento e do andar, mas aqui usamos nosso sobrenome! Raramente alguém coloca o primeiro nome, a regra realmente é só o sobrenome, e isso na verdade funciona igual para várias coisas, curioso, né não?


Uma das coisas mais complicadas da Itália


Para mim, essa é a pior parte sobre morar na Itália, sério, é algo que me irrita, desanima, me dá medo, preguiça, e acho muito, mas muito importante que vocês se atentem a esse detalhe: os funcionários não sabem o que fazem.


Você vai em um lugar, você sabe o que tem que fazer e olha que você nem trabalha lá, e eles falam que não é ali, ou te mandam para outro lugar e você chega lá e eles falam que não é ali, é em outro lugar, mas o primeiro lugar é exatamente de onde você saiu. E aí você fica nessa luta sem fim porque eles nãos e atualizam, parece que muitos não foram instruídos a fazerem aquilo ou simplesmente não querem fazer isso.


Gente, isso é algo que acontece muito, sem contar nas vezes que falam que não é possível fazer algo sendo que é, ou inventam uma regra que não existe, e aí você tem que respirar, tentar ensinar o sujeito, se ele gritar (porque muitos vão gritar), você grita também, e assim os dias vão passando nesse país bastante burocrático!


Até hoje não entendo isso, mas tá no código de trânsito!


Queria que nesse item de agora alguém me explicasse o porquê que o sinal verde que abre para pedestre, abre para carro ao mesmo tempo. Não vejo o menor sentido, a gente fica numa luta terrível para atravessar, porque a gente vai, mas o carro vem na mesma hora, aí você fica com receio de ir e alguém não parar. Sei que na Espanha também é assim, mas confesso que não vi isso no Brasil.


Então assim, cuidado gente, presta atenção e não xinga a pessoa que está virando ali com o carro porque muitas vezes ela pode virar, fica a dica.


Curiosidade sobre as casas italianas


Outra coisa que não entendo é porque os corredores das casas são grandes e largos e as cozinhas são pequenas, além de ter pouco banheiro. Já limpei muita casa na Itália, já visitei outras, já morei em algumas, e sempre tem essa coincidência de ter um corredor grande, não faço ideia do porquê, sinceramente, e cozinhas bem pequenas! Eles até fazem quartos maiores, mas é muito comum ver cozinha pequena, não é uma regra, isso é comum em construções mais antigas, mas, a gente ainda vê muito hoje em dia.


Da mesma forma que vemos poucos banheiros: as vezes você vê uma casa com 2 ou 3 quartos e um único banheiro, casa com dois banheiros realmente é um achado por aqui!


Preste atenção porque os italianos são espertos!


Esse item me tira do sério, me irrita e me transformou em uma pessoa pior, sério. Gente, as pessoas não sabem fazer fila aqui na Itália, elas não sabem o que é fila indiana, ou ordem de chamada, elas sabem o que é rodinha, o que é gritar que é sua vez, ou então dá o miguéia e tentar passar na sua frente.


Eu, depois de estar morando aqui por 5 anos, aprendi a ser meio italiana né, eu grito mesmo, eu falo mesmo, sou bem direta. Direto to brigando na fila do pão, no caixa do mercado, vou fazer isso até eles entenderem o que é uma fila.


Contrato de trabalho na Itália e sua grande problemática


Sei que comentei alguns pontos que são mais culturais mesmo, que não é que te afeta no dia a dia, com exceção do fato dos funcionários não saberem o que fazem. Mas, além disso, tem uma outra coisa que eu não gosto e não concordo que é o bendito Contrato a tempo indeterminado.


Provavelmente você já ouviu falar dele: aqui na Itália não temos carteira de trabalho, e sim contrato de trabalho. Os mais comuns são o a tempo determinado, que é o que a maioria tem, que é onde a empresa te contrata por um tempo X, fica renovando até te mandar embora ou tornar ele definitivo, que é o a tempo indeterminado.


E temos ele né, o que não tem duração, que dura para sempre, que ninguém te manda embora, que é o a tempo indeterminado. É graças a ele que você consegue comprar casa e carro financiado, fazer empréstimos, alugar casa com facilidade e tudo mais.


E por que que eu não concordo com ele? Porque não é fácil de conseguir, dependendo da área que você trabalha, você vai demorar até conseguir, e não acho justo um país onde é difícil ter esse contrato, limitar tanta coisa e só conceder a quem tem ele. Para mim, o método deveria ser completamente diferente, porque isso no dia a dia, principalmente de um recém-chegado no país, pode ser um dos maiores pesadelos.

Comments


bottom of page