Como levar o Pet para a Itália?

Muitas pessoas me perguntam lá no canal como fazer para levar, junto com elas, seu animal de estimação para a Itália. Achei legal escrever esse post e explicar um pouquinho desse processo de como trazer seu PET para a Europa.


Vou me ater a duas coisas nesse post: vou falar do procedimento voltado para cachorros e para os trazer para a Itália, mas é muito importante ressaltar que, tal procedimento é o mesmo para todos os países da União Européia.


Implatação do Microchip


A primeira coisa a ser feita é implementar o chip no seu PET, e lembre-se que, tal chip para ser aceito, tem que ser no padrão ISO 11784/85. Esse chip é muito importante pois é nele que estarão contidos todos os seus dados para possíveis análises e verificações.


Vacina antirrábica


Essa vacina é a segunda etapa desse processo, e deve ser feita APÓS a implantação do chip! Importante lembrar disso, porque caso contrário não será aceito pela União Européia.

Coleta de sangue


Após passados 30 dias da vacina, você precisará fazer a coleta de sangue do seu bichinho e enviar o SORO para o CCZ: Centro de Controle de Zoonozes de São Paulo, único órgão aceito pela União Européia para a realização deste teste. Então já saiba que se você não é de São Paulo precisará providenciar o envio do soro para esse local.


Porém, lendo